Espiritualidade

Deus não está feliz com a nossa dor

03 abril, 2020 por

Deus não está feliz com a nossa dor. Em meio a todos os acontecimentos, por mais que o meu coração esteja extremamente triste por não estar presencialmente na santa missa, ao mesmo tempo o meu coração se enche de alegria ao saber que a minha igreja está seguindo as ordens de médicos, especialistas, entre outros. Deixando claro que realmente nos preocupamos com a vida.

No entanto, tenho lido e ouvido bastante pessoas dizendo que as coisas que tem acontecido é um castigo de Deus. Ele mandou esse coronavírus porque somos horríveis, maus e merecemos tudo de ruim. Isso com toda certeza entristece o coração do nosso Pai, pois se tivéssemos intimidade o suficiente com ele, saberíamos que isso é tudo mentira.

Vivendo no tempo de Moisés. 

Moisés foi extremamente importante para a história, um dos maiores heróis da fé. Ele criou os mandamentos, foi usado por Deus para libertar o povo do Egito. Abriu o mar, ficou quarenta anos no deserto e confiava na terra prometida que Deus prometera. Moisés foi ponte de oração do povo com Deus, pois eles estavam com o coração endurecido.

Só que aquele povo vivia pecando. E Deus os castigava todas as vezes que eles pecavam, é só ler o antigo testamento e iremos ver um Deus totalmente irado. No entanto, tudo isso foi mudado quando o próprio Deus mandou o seu próprio filho para morrer por nós, para que os nossos pecados fosse perdoados e ainda que fossemos salvos. Entenda, Deus não obrigou Jesus morrer por nós, Jesus fez por livre espontânea vontade.

Quando acreditamos que Deus nos castiga estamos anulando o que Jesus fez na cruz. Pensa comigo, se Deus continuasse fazendo conosco o que fazia com o povo na época de Moisés, não faria sentido Jesus morrer por nós! Já que ainda seriamos castigados e não perdoados. Temos hoje livre acesso a Deus por meio de Jesus e Deus não está mais irado conosco por conta de tudo que Jesus fez.

Estou lendo um livro chamado “Enraizados” e algo me tocou profundamente e diz o seguinte: ” Deus também é bondoso e amoroso. Muitos de nós crescem com a imagem de que Deus é bravo, frustrado e decepcionado conosco. Achamos que Deus deve estar irritado conosco porque nós estaríamos irritados conosco. É difícil compreender e aceitar que, de fato, Ele é incondicionalmente amoroso e bondoso, especialmente quando nos deparamos com nossas falhas e pecados. Mas no campo, onde Deus repetidamente nos convida a estar mais perto Dele, nossa capacidade de ver e receber Seu amor e bondade começa a crescer”.

 

Voltar para igreja na dor.

Sempre ouvi a seguinte frase: “Se a pessoa não volta para igreja no amor, ela volta na dor” E refletindo sobre isso, conversando com Jesus cheguei a conclusão o quanto essa frase está problemática. Entendo que muitos retornam para casa do pai machucados, mas precisamos entender que a dor não vem de Deus.

Deus não está no céu comemorando quando saímos da igreja e as desgraças acontecem em nossas vidas. Também não está no céu nesse momento comemorando esse vírus que está infectando todo o mundo. Jesus disse:

“Quem dentre vós dará uma pedra a seu filho, se este lhe pedir pão? E, se lhe pedir um peixe, lhe dará uma serpente? Se vós, pois, que sois maus, sabeis dar boas coisas a vossos filhos, quanto mais vosso Pai celeste dará boas coisas aos que lhe pedirem. São Mateus, 7:11”

Compreendo que é muito mais fácil culpar Jesus pelas coisas ruins que acontecem conosco. Veja só Adão, assim que comeu o fruto, ele culpou Deus. Culpa-lo está na nossa natureza, mas entenda Deus é o menos culpado. No terceiro dia quando Jesus ressuscitou e apareceu aos discípulos, Ele soprou o Espirito Santo, ou seja, antes de retornar para o Pai, Ele nos deixou o seu Santo Espirito.

Deus sofre juntamente conosco. Ele é um Pai amoroso, porque temos dificuldade em entender isso? Quando vamos compreender que nosso Papai não quer nos ver mal e sim felizes?

Para finalizar, quem me conhece sabe o quanto é difícil para mim aceitar que o Papai não esta bravo comigo. Por ser o meu Pai, ele só quer me ensinar e me fazer ser como ele. Por mais que muitas das vezes eu seja teimosa, Ele continua me amando e não vai jogar uma praga em mim por conta disso.

Rezo para que possamos compreender que Deus não precisa jogar uma praga em nós para nos corrigir. O pecado faz isso e entenda não é culpa de Deus. Aceite a paternidade do Papai.

Deus não está feliz com a nossa dor!

Escutem essa música: https://www.youtube.com/watch?v=QJ5-eYIAYlE&list=RDgkRMulKqTlw&index=4

Com carinho,

Rafitia!

veja os posts relacionados

Sejam bem- vindos!

%d blogueiros gostam disto: